Ação conjunta fiscaliza postos de combustíveis em duas cidades

Escrito por em 26/11/2020

O Instituto de Pesos e Medidas do Paraná (Ipem-PR) participou da operação conjunta de fiscalização de postos de combustíveis, entre os dias 17 e 19, nas cidades de Arapongas e Apucarana, após o recebimento de denúncia de sonegação fiscal pela 5ª Promotoria do Ministério Público, em Arapongas.

O Ipem foi convocado juntamente com a Secretaria da Fazenda – Receita Estadual e a Agência Nacional de Petróleo (ANP). A ação conjunta dos órgãos estaduais foi realizada em seis estabelecimentos que comercializam combustível líquido.

O Ipem fiscalizou 34 bicos das bombas de combustível, sendo que 24 foram interditados, dois reprovados e oito aprovados. Os principais problemas encontrados foram em relação à vazão e ao encerrante, ou totalizador da bomba de combustível, que faz parte da estrutura física da bomba de combustível.

IRREGULARIDADES – Durante a  fiscalização, foram encontrados nove instrumentos com problema na quantidade de combustível entregue ao consumidor, sendo que sete estavam com erros de volume acima do máximo admissível em prejuízo ao consumidor.

Os agentes também encontraram problemas em cinco instrumentos com vazamentos internos e externos. Bombas de combustível e mangueiras em mau estado de conservação também foram verificadas.

Em 2020, até agora, foram fiscalizadas e verificadas 8.854 bombas de combustíveis, com a reprovação de 1.588 instrumentos.

Em 2019, o Ipem fiscalizou e verificou 35.410 bombas de combustíveis, com a reprovação de 8.371.

Fonte: Agência de Notícias do Paraná


[There are no radio stations in the database]