Boletim policial de violência doméstica pode ser feito na internet

Escrito por em 03/06/2020

A Polícia Civil do Paraná (PC) lança a possibilidade de registro pela internet de Boletins de Ocorrência (BO) referentes a crimes de violência doméstica e familiar contra a mulher (Lei Maria da Penha) e estelionato. O serviço está entrando em funcionamento nesta quarta-feira (3).

As vítimas podem registrar o boletim no Portal da PC: www.policiacivil.pr.gov.br/BO

Os crimes mais graves praticados contra a mulher, como os de natureza sexual e tentativa de feminicídio, continuam a ser registrados exclusivamente de forma presencial. Mulheres que queiram requerer Medidas Protetivas devem solicitar presencialmente em uma delegacia devido à gravidade e urgência desses casos. Para casos de emergência, as vítimas continuam a ter a orientação de ligar para o 190 da Polícia Militar.

A PC também oferece aos cidadãos a possibilidade de registrar Boletins de Ocorrência pela internet, nos seguintes casos:

•     Furto
•     Estelionato
•     Extravio ou Perda de documentos e objetos
•     Extravio de Placa de Veículo
•     Desaparecimento de Pessoas
•     Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher (Lei Maria da Penha)

ORIENTAÇÕES – As pessoas que registram BO por meio da internet devem estar atentas aos e-mails que serão enviados pela PC.

Ao iniciar o registro é necessário incluir um e-mail válido para receber um código verificador. Com esse código, o cidadão poderá continuar o procedimento. 

Após o registro ser feito, a vítima receberá um segundo e-mail informando que a solicitação foi concluída. O BO registrado será avaliado por investigadores e delegados, que irão validá-lo ou não.

Um terceiro e-mail será enviado ao noticiante informando se o BO foi validado. Se acaso houver informações que precisem ser confirmadas, o e-mail informará o link para que sejam corrigidas.

Com a validação concluída, a vítima poderá imprimir o Boletim de Ocorrência.

Fonte: AEN


[There are no radio stations in the database]