Paraná tem mais uma morte por dengue confirmada

Escrito por em 27/11/2019

A secretaria de Saúde do estado confirmou a primeira morte por dengue desde o início do atual período epidemiológico, em 28 de julho. A mulher, de 31 anos, de Nova Cantu, morreu em 17 de novembro. Ela apresentava quadro de anemia crônica, considerado fator de risco.

O secretário de Saúde, Beto Preto, destaca que a situação da dengue no Paraná é grave e alerta toda a população para que adote com urgência as medidas preventivas, com uma verificação detalhada nos quintais, terrenos e ambientes internos das residências, eliminando os pontos que acumulam água parada, que podem se transformar em criadouros do mosquito da dengue. “A maioria dos focos está em ambientes domiciliares e precisamos de uma ação urgente de toda a sociedade no combate ao mosquito. Dengue mata”, afirma Beto Preto.

O boletim semanal da dengue divulgado nessa terça-feira (26) pela secretaria mostra 330 novos casos confirmados da doença. São 135 no município de Nova Cantu, 78 em Quinta do Sol e 25 em Cianorte.

Dez municípios estão em situação de alerta: Lindoeste, Juranda, Douradina, Indianópolis, São Carlos do Ivaí, Flórida, Munhoz de Mello, Florestópolis, Leópolis e Uraí. Outros sete estão no patamar de epidemia: Nova Cantu, Quinta do Sol, Inajá, Santa Isabel do Ivaí, Ângulo, Floraí e Uniflor.

Fonte e Foto: AEN


[There are no radio stations in the database]